quinta-feira, 22 de julho de 2010

Poeminha Amoroso

Este é um poema de amor tão meigo, tão terno, tão teu...
É uma oferenda aos teus momentos de luta e de brisa e de céu...
E eu, quero te servir a poesia numa concha azul do mar ou numa cesta de flores do campo. Talvez tu possas entender o meu amor. Mas se isso não acontecer, não importa.
Já está declarado e estampado nas linhas e entrelinhas deste pequeno poema, o verso; o tão famoso e inesperado verso que te deixará pasmo, surpreso, perplexo...
Eu te amo, perdoa-me, eu te amo...
(Cora Coralina)

4 comentários:

  1. Minha querida, bom dia!
    De louca, para não fugir a regra, todos nós temos um pouco.
    De santa minha amiga, alguma coisa, que na lucidez de nossos passos comungamos com Deus na sua bela passagem santificada, mas somente alguma coisa...
    Esta terra é o suave encanto, onde comungamos nossos cantos nas dores que nos castiga.
    Os problemas vão se dissipando ou quem sabe por algum momento esquecidos e a gente se encontra entre versos, entre crônicas, entre histórias das mais amarguradas vidas.
    Por outro lado, laços se unem, mãos se afagam e se sustentam uma a uma e a gente vai levando, navegando em cada canto, subindo serra, atravessando mares, visualizando contos de fadas...
    Não vimos para cá porque queremos, algo sem sentido, talvez chegamos arrastados na procura incansável entre nossos devaneios estarrecidos.
    Mas não importa, seja como for, te recebo em meus braços, porque a amizade a gente encontra de sobra no apoio que se estende blogosfera acima, blogosfera abaixo.
    Te recebo no meu mais puro carinho, te lerei com os meus olhos rasos d'água outras vezes contemplando alegria, mas estarei sempre por aqui pronta pra te receber no meu jardim.

    Um grande abraço e seja muito, mas muito Bem vinda!

    Bjs

    Livinha

    ResponderExcluir
  2. O poeminha - essa hesitação prolongada entre o som e o sentido .

    Lindo.

    Beijo.

    ResponderExcluir
  3. Que lindo esse poema, obrigada por relembra-lo!
    Bjs amiga
    Gena

    ResponderExcluir